Navegação nos e-books didáticos. Pontos de referência

booknando-tela

Uma das preocupações de quem cria livros didáticos em formato digital é oferecer um recurso simples de acesso ao conteúdo. Em geral, temos a sensação de que encontrar informações é mais simples e rápido no impresso do que no digital. Podemos folhear o livro, consultar o sumário e achar uma página facilmente usando a numeração … Ler mais

Manual de estilos para e-books da Cosac Naify

accessories-text-editor

Como mencionado no texto sobre a criação de departamento da Cosac Naify (clique aqui para ler), à época de sua estruturação na editora criamos um manual de estilo para fornecedores. Este manual foi elaborado com base em testes, servindo também como material de consulta tanto para revisões quanto para elaboração das edições digitais. Ainda utilizo … Ler mais

Projetos gráficos para e-books

Já resumi aqui (e aqui) um pouco sobre adaptações de projetos gráficos para livros digitais. Todavia, mesmo quando a adaptação se torna algo quase que completamente novo, ainda se trata (ao menos para mim) de manter traços da identidade do projeto original, elementos que o tornem reconhecível, por assim dizer. Agora, e quando não existe … Ler mais

Dicas de edição de fontes no InDesign

Em posts anteriores do Colofão, as questões das fontes tipográficas já foram bastante discutidas. Explicamos como editar as fontes e demos algumas dicas de como lidar melhor com elas ao longo da produção dos e-books, só para citar dois exemplos. Mas manipular fontes é um trabalho recorrente na minha rotina de produção de livros digitais, … Ler mais

Os universos do projeto gráfico e da diagramação em tempos digitais

Nós, profissionais da área, enfrentamos uma mudança de paradigma no mercado editorial: é possível adaptar-se à chegada dos e-books, ou será preciso se reinventar, renascer das cinzas? A pergunta envolve muitos detalhes de eras totalmente diferentes. Na época em que só contávamos com os livros impressos, pensar o projeto e a diagramação era tarefa que … Ler mais

Autopublicação – as maravilhas e agruras de cada plataforma

Para quem quer publicar e-books de modo independente no Brasil, há muitas opções, desde as plataformas mais conhecidas – como o Kindle Direct Publishing (KDP), da Amazon, o Kobo Writing Life (KWL), da Kobo, e o iTunes Connect, da Apple, para ficar naquelas que têm interface em português – até iniciativas locais que começam a … Ler mais

Programas indies: ePubChef e jeboorker

Normalmente, quando falamos em edição, validação e testes de livros digitais, falamos no Sigil, EpubCheck, Adobe Digital Editions e Readium. Para exportação: InDesign ou LibreOffice, — os mais radicais podem dizer Quark e/ou BlueGriffon Epub Edition –, certo? Nada mais normal do que isso, afinal, são programas rotineiros no dia a dia dos desenvolvedores de … Ler mais