Pergunte ao Freela: Ferramentas de organização

home office

Uma das dificuldades principais de trabalhar como autônomo é ser responsável por organizar tudo: seus horários, seus prazos, seus trabalhos, suas finanças. Você não está preso a um espaço e a um horário que te “obriga” a trabalhar, você não tem um valor determinado de dinheiro que cai na conta no mesmo dia todo mês, … Ler mais

Editoras como empresas de mídia

O que uma editora faz? Como qualquer empresa de mídia, a editora é responsável por fazer com que certos conteúdos possam ser consumidos por pessoas neles interessadas. Emissoras de TV e serviços de streaming produzem séries, produtoras e estúdios de cinema lançam filmes, produtoras de games nos dão jogos eletrônicos e editoras lançam livros. O … Ler mais

Os livros digitais do futuro?

Alguns textos atrás, escrevi aqui no Colofão sobre aplicativos. Dediquei alguns parágrafos aos apps que, para mim, usam o meio a seu favor e realmente acrescentam algo à experiência do leitor, ao invés de simplesmente tentar copiar o livro impresso (ou, inversamente, usar elementos interativos sem critério, a ponto de criar uma distração, e não … Ler mais

Booktrap: e-book não é menos livro por ser digital

Outro dia, conversava com uma colega de trabalho e ela me perguntou se eu conhecia uma start-up chamada Booktrack, que desenvolveu um app multiplataforma de leitura de e-books enriquecidos com trilhas sonoras. Eu respondi que sim, que achava que funcionava especialmente para livros de suspenses e que, por alguma razão misteriosa, eu sempre chamava a … Ler mais

A experiência de leitura da Pelican Books

Em maio de 2014, a Penguin Random House relançou o seu antigo selo Pelican, que em 1987 havia interrompido suas publicações após 47 anos de existência. Tal acontecimento – o surgimento de um novo selo ou coleção – é relativamente corriqueiro no mercado editorial e poderia passar despercebido até mesmo para as pessoas que trabalham … Ler mais

Apps de livros – O que o ePub não pode fazer por você

Um app maravilhoso para convencer você a ler este texto gigante até o final Já falamos bastante por aqui sobre o formato ePub, suas variações e todas as suas maravilhosas possibilidades. Mas, embora o ePub 3 já permita recursos como áudio, vídeo e animações, o nível de interatividade que é possível incluir num e-book é … Ler mais

Variações

Testar seus e-books em diferentes plataformas não é apenas mais uma etapa da produção: é um exercício de descoberta. Como já falamos mais de uma vez por aqui, não existe uma visualização única para um livro digital, pois os aplicativos e aparelhos influenciam, em maior ou menor grau, a maneira como o arquivo é renderizado. … Ler mais